Não só eles erram o passo nesse enredo

0
39

Constantemente, principalmente no mundo digital, o enredo de nossas vidas é bombardeada por polêmicas que, ao menos na opinião deste que lhe escreve, acrescentam pouco no conjunto de ações que fazem nossa sociedade evoluir.

O caso recente do samba enredo e da fantasia que a agremiação carioca Imperatriz Leopoldinense apresentará no carnaval deste ano evidenciam o descompasso entre a militância e a realidade, além de ficar claro a urgente necessidade das pessoas voltarem a ter interesse em entender o mundo em que vivem.

 

Qual deve ser nossa reação diante de uma situação como essa apresentada pela escola de samba? Ficar com raiva e sair gritando ou tentar descobrir a razão dela possuir esta imagem equivocada do agronegócio? Respondo: quem escolheu a primeira irá pelo caminho mais fácil , todavia o menos construtivo. Quem opta pelo segundo tomará um caminho mais longo, deverá fazer uma autocrítica , terá que tomar ações , mas conhecerá a verdade.

 

Vejam o exemplo do mundo pós-acidente no reator nuclear de Fukushima: Uma campanha provocada por ambientalistas resultou no desligamento das centrais nucleares no Reino Unido e, como consequência, os britânicos experimentaram um aumento substancial nas suas contas de energia, além de ficarem mais dependentes do gás natural liquefeito importado do Oriente Médio. Foi a desinformação da opinião pública , aliado com o alarmismo infundado dos ambientalistas sobre a segurança da atual geração de reatores, que colocou o país neste impasse entre fornecer energia barata e segura à todos e alimentar o “egologismo” (sic).

A nossa cruzada tropical conta com mais um agravante: a vontade de parte dos formadores de opinião em transformar tudo na velha e ultrapassada luta de classes. O agricultor , pejorativamente chamado de Ruralista, é vendido na roupa de vilão e as ONGs, nas vestais que vieram salvar o mundo destes ( no discurso) seres malvados. Alie isso com a desinformação, o enredo é este que já conhecemos.

Falta no setor do agronegócio a organização necessária a fim de esclarecer à sociedade o papel de que a agricultura tem em nosso mundo moderno. Cada ser humano que habita este planeta precisa compreender que uma pequena, mas determinada, área da superfície terrestre tem que estar cultivada para garantir sua sobrevivência e que, por mais óbvio isso seja para nós do agronegócio, comida não nasce na prateleira do mercado.

Os agentes do agronegócio precisam , como nunca, esclarecer à sociedade o papel que desempenham na busca diária por eficiência e sustentabilidade, cada vez alimentando mais e melhor cada uma das  7 bilhões de pessoas que hoje vivem na Terra. Devemos vencer a desinformação. E agora.

Deixe uma resposta