Vendas de máquinas agrícolas recua 17,7% – Anfavea

0
159

ty1x2nzdqt0A associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), divulgou no início deste mês (5/6) que as vendas de máquinas agrícolas de maio tiveram retração de 17,7%, em relação ao mesmo período do ano passado. Neste ano até maio as vendas de máquinas atingiram a quantia acumulada de 27.119 unidades contra 33.769 unidades de janeiro a maio de 2013, queda acumulada de 19,7%.

A produção de máquinas agrícolas também recuou em relação à maio do ano passado, retração de 10,5% na produção. Para a produção acumulada deste ano também recuou comparado aos mesmos meses do ano passado atingindo 13,7% de queda com o montante de 34.553 unidades de máquinas produzidas.  O objeto deste estudo incluem somente máquinas agrícolas automotrizes, entre eles, tratores de rodas e de esteiras, colhedoras, cultivadores automotrizes e retroescavadeiras.

A queda nos números também repercutem tanto para valores monetários gerados na exportação destes bens, US$1,3 bilhões acumulados de janeiro à maio deste ano, quanto em unidades de máquinas exportadas, fato associado à diminuição do volume de pedidos e vendas. Por outro lado, a tendência da venda de máquinas segundo a série histórica tende a aumentar até o mês de outubro onde normalmente ocorrem o maior número de vendas no ano, embora os números tenham sidos inferiores em relação ao ano passado ela ainda é superior em relação à 2012. As altas na agriculturas nos últimos anos têm aquecido a economia neste setor e funcionado como locomotiva para puxar as demais, este ano, porém, ao que foi constatado até aqui, muitos empresários do setor já estão com sua frota renovada diminuindo o volume de vendas até o momento, toda via isso não significa que o setor de máquinas sofrerá um arrefecimento drástico, mas a questão é que o ano de 2013 pode ser considerado um ano positivamente atípico.

x3votsfn3td

Deixe uma resposta