Empreender ou arrumar um emprego na agricultura?

0
311

Monitoramento_agro

Desde que migrei do mundo tecnológico urbano para o mundo rural ouço sobre esse assunto: empreender ou arrumar um emprego?

Afinal, qual dá mais dinheiro? Qual traz mais felicidade? Qual te faz mais realizado?

A resposta certa para todas essas perguntas deve vir acompanhada de um asterisco dizendo: você é um empreendedor?

Nos últimos anos houve um boom da palavra empreendedorismo e parece que é fácil virar milionário do dia para noite como Mark Zuckerberg ou Larry Page e Sergey Brin. A mídia especializada bombardeia estudantes das gerações Y e Z com informações e fazem todos acreditarem no sonho de serem empreendedores de sucesso.

O problema é: você é um empreendedor? Você trocaria seus finais de semana e noites de sono para construir seu negócio tendo quase certeza que na maioria das vezes não vai dar certo? Você é resiliente ao ponto de não desistir depois dos tropeços? Você tem proatividade e sabe que clientes não caem do céu? Você aceitaria ganhar menos que seus funcionários para deixar o sonho vivo?

Se a sua resposta sincera para alguma dessas questões é “não”, esqueça e vá procurar um emprego!

O setor agrícola é carente de profissionais capacitados e inovadores, procure uma grande empresa que esteja precisando dele e venda seu sonho. Não é necessário ter uma empresa para isso.

Tenho notado que muitas vezes as pessoas vêem com um certo glamour o fato de ter uma startup e imaginam que você esteja ganhando milhões. Acreditar no seu negócio quer dizer que você deve abrir mão de qualquer gasto desnecessário e muitas vezes seu caixa fica negativo 29 dias por mês. Não existe glamour nenhum nesse mundo de empresas tecnológicas, apenas muito suor e trabalho! Ainda mais no mercado agrícola que apesar do passar do tempo continua extremamente conservador.

Minha dica para quem está passando por essas dúvidas é: veja qual é o seu perfil como pessoa e a partir daí tome sua decisão!

Se você estiver passando por esse problema pode me escrever!

Deixe uma resposta