Palha: a nova joia dos canaviais

0
161

palha_inteliagro

 

Com a adoção da colheita mecânica sem queima, muito especulou-se que a palha que ficava no campo era prejudicial para o desenvolvimento dos canaviais. Alguns anos de experiência depois ficou comprovado o contrário.

A palha no solo:

  • Aumenta o carbono orgânico do solo;
  • Dificulta perdas por erosão;
  • Mantém a umidade por mais tempo;
  • Protege da compactação superficial;
  • Mantem a temperatura do solo menor e assim aumenta a atividade da microfauna.

Essas são apenas algumas das vantagens da palha ficar em campo, ainda existem diversas outras que estão sendo estudadas.

A grande questão é que além dessa grande importância para o canavial, viu-se que a palha vale muito dinheiro na conversão em energia. A energia de biomassa pode ser a grande alternativa do país para energias limpas e o melhor de tudo é que já temos o combustível para isso: A PALHA.

palha_inteliagro

 

Alguns estudos divulgados pela UNICA (União da Indústria de Cana-de-Açúcar) em parceria com a ONS (Operador Nacional do Sistema) mostraram que existe um potencial muito grande de expansão da conversão de tonelada de cana em KWh. Isso passa pelo processo de melhoria nos equipamentos de conversão de energia e no uso da palha, não só apenas do bagaço. Neste ano em que os reservatórios das usinas hidrelétricas estão em um nível muito baixo, o valor da energia no mercado ficou altíssimo e a biomassa passou a ser muito mais valorizada e colocada na pauta de discussões de planejamento energético. Assim a palha de cana-de-açúcar tornou-se a joia do campo!

Mas nem tudo são flores. Com a supervalorização da palha como combustível para geração de de energia elétrica, muitas usinas passaram a recolher indiscriminadamente toda a palha do campo e desta forma todos os benefícios da palha em campo que citei anteriormente deixam de existir e começam a surgir problemas e erosão e compactação muito rapidamente.

Sendo assim, como já disse em alguns outros posts aqui do InteliAgro, é necessário estudar-se bastante como deve ser feita essa retirada de palha e para isso existem as universidades e os centros de pesquisa que já têm trazido resultados muito importantes para esse setor.

Deixe uma resposta